O Porquê do Blogue

Brasil está no labirinto da indefinição. O momento estimula desafios e amplia debates. Tempo, portanto, da informação que detalha e da análise que orienta, ambas matérias-primas do jornalismo parceiro da verdade. Além da intermediação entre o fato e o leitor, este espaço pretende ser mais uma trincheira dos direitos e das garantias individuais. Também, da livre iniciativa e do enquadramento do Estado, ineficiente e caro, na prestação de serviços essenciais aos cidadãos, independentemente de cor, credo e gênero. Linha editorial independente exclui associação com o poder e a oposição, mesmo se forem reconhecidas a origem legal da conquista e a respeitabilidade do seu protagonismo. É compromisso. Acompanhe e critique.

Entre em contato!
walgom@uol.com.br

Raoni vem a Brasília criticar Bolsonaro

 

Recomenda-se não convidar para mesma mesa do chope Jair Bolsonaro e Raoni Metuktire. O presidente do Brasil e o líder da tribo caiapó não se entendem sobre política indígena e preservação da natureza.

Trocam desaforos em pronunciamentos públicos. Bolsonaro diz que o cacique “é peça de manobra de governantes estrangeiros”. Raoni responde: “Não o leve a sério. Ele é doido mesmo, de verdade”.

Quarta-feira (19), Raoni vem a Brasília com representantes da causa indigenista e ambiental. Grupo vai levar ao Congresso Nacional manifesto de críticas ao governo subscrito por 600 líderes originários de 45 etnias.

Raoni e sua ‘corte’ vão ser recebidos pelos dirigentes das duas casas do Parlamento, ambos filiados ao Democratas: Davi Alcolumbre (Amapá), do Senado; Rodrigo Maia (Rio de Janeiro), da Câmara.

 

walgom.com.br

@bloguewalgom

@Tervalsegom, no Twitter

Sem comentários
Escrever um comentário