O Porquê do Blogue

Brasil está no labirinto da indefinição. O momento estimula desafios e amplia debates. Tempo, portanto, da informação que detalha e da análise que orienta, ambas matérias-primas do jornalismo parceiro da verdade. Além da intermediação entre o fato e o leitor, este espaço pretende ser mais uma trincheira dos direitos e das garantias individuais. Também, da livre iniciativa e do enquadramento do Estado, ineficiente e caro, na prestação de serviços essenciais aos cidadãos, independentemente de cor, credo e gênero. Linha editorial independente exclui associação com o poder e a oposição, mesmo se forem reconhecidas a origem legal da conquista e a respeitabilidade do seu protagonismo. É compromisso. Acompanhe e critique.

Entre em contato!
walgom@uol.com.br

Apertada vitória de Lacalle no Uruguai

 

Vitória do liberal Luis Lacalle Pou à presidência do Uruguai foi confirmada, ontem (28), pela Corte Eleitoral, mas foi angustiante. Diferença de sofrido 1% em relação ao esquerdista Daniel Martínez, apoiado pela Frente Ampla há 15 anos no poder, que reconheceu “como legítimo” o placar das urnas.

Foi fundamental para o sucesso de Lacalle, que buscava pela segunda vez o ‘trono’ republicano do país, a participação de Beatriz Argimón (na foto) como parceira da chapa. Ela comanda o Partido Nacional e é popular ativista da participação das mulheres na política, além de defensora dos direitos humanos.

Marcada para primeiro dia de março (2020) posse de Lacalle e Beatriz. O novo governante é filho do conservador Luis Alberto Lacalle, que governou os uruguaios de 1990 a 1995.

Pós-escrito: institutos de pesquisas acertaram no vencedor, mas escorregaram desastradamente nos índices. Variavam de oito a dez pontos percentuais.

 

walgom.com.br

@Tervalsegom, no Twitter

Sem comentários
Escrever um comentário