O Porquê do Blogue

Brasil está no labirinto da indefinição. O momento estimula desafios e amplia debates. Tempo, portanto, da informação que detalha e da análise que orienta, ambas matérias-primas do jornalismo parceiro da verdade. Além da intermediação entre o fato e o leitor, este espaço pretende ser mais uma trincheira dos direitos e das garantias individuais. Também, da livre iniciativa e do enquadramento do Estado, ineficiente e caro, na prestação de serviços essenciais aos cidadãos, independentemente de cor, credo e gênero. Linha editorial independente exclui associação com o poder e a oposição, mesmo se forem reconhecidas a origem legal da conquista e a respeitabilidade do seu protagonismo. É compromisso. Acompanhe e critique.

Entre em contato!
walgom@uol.com.br

Hoje, Dia Internacional da Democracia

 

No Dia Internacional da Democracia, medite-se sobre o que diz senador gaúcho Paulo Paim, petista que respeita adversários e é personagem, sem deslizes conhecidos, da História Político-Sindical do Brasil.

Segue:

“Atacar a democracia é atentar contra a liberdade e a vida. O processo democrático pode até ser lento, mas é o único legítimo. É ele que garante a estabilidade política e social. Afrontá-lo é conspirar contra o povo”.

Paim, gaúcho de Caxias do Sul, é metalúrgico diplomado pelo Senai. Elegeu-se presidente do sindicato de Canoas (RS), início da contabilidade de vitórias nas urnas. Foi duas vezes deputado federal e está no Senado desde 2003.

Sem comentários
Escrever um comentário