O Porquê do Blogue

Brasil está no labirinto da indefinição. O momento estimula desafios e amplia debates. Tempo, portanto, da informação que detalha e da análise que orienta, ambas matérias-primas do jornalismo parceiro da verdade. Além da intermediação entre o fato e o leitor, este espaço pretende ser mais uma trincheira dos direitos e das garantias individuais. Também, da livre iniciativa e do enquadramento do Estado, ineficiente e caro, na prestação de serviços essenciais aos cidadãos, independentemente de cor, credo e gênero. Linha editorial independente exclui associação com o poder e a oposição, mesmo se forem reconhecidas a origem legal da conquista e a respeitabilidade do seu protagonismo. É compromisso. Acompanhe e critique.

Entre em contato!
walgom@uol.com.br

Pré-candidatura precoce ao Planalto

 

É muito cedo para o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, propagar intenção de candidatura, em 2022, à Presidência da República.

Filiado ao PSC, o estreante de sucesso na política tem fustigado Jair Bolsonaro (PSL), tanto no desempenho administrativo quanto na atuação política.

Ao ex-juiz federal não convém ignorar que os políticos fluminenses estão em baixa na avaliação local e, sobretudo, na extensão da República Surrealista dos Trópicos.

No decorrer dos anos recentes, cinco antecessores de Witzel se abrigaram em celas de penitenciárias locais: Anthony Garotinho e a esposa Rosinha; Luiz Fernando Pezão, Sergio Cabral e Moreira Franco.

Sem comentários
Escrever um comentário