O Porquê do Blogue

Brasil está no labirinto da indefinição. O momento estimula desafios e amplia debates. Tempo, portanto, da informação que detalha e da análise que orienta, ambas matérias-primas do jornalismo parceiro da verdade. Além da intermediação entre o fato e o leitor, este espaço pretende ser mais uma trincheira dos direitos e das garantias individuais. Também, da livre iniciativa e do enquadramento do Estado, ineficiente e caro, na prestação de serviços essenciais aos cidadãos, independentemente de cor, credo e gênero. Linha editorial independente exclui associação com o poder e a oposição, mesmo se forem reconhecidas a origem legal da conquista e a respeitabilidade do seu protagonismo. É compromisso. Acompanhe e critique.

Entre em contato!
walgom@uol.com.br

Notas curtas para leitura rápida

 

Dois personagens femininos foram alvos de invasores dos celulares das autoridades da Operação Lava-Jato: Gabriela Hardt (foto), juíza, e Thaméa Danelon, procuradora ***** É direito do torcedor desfilar no estádio com a camisa do time que aplaude. Jair Bolsonaro é palmeirense (SP), mas ontem (12), na capital da República, vestiu a do Flamengo (RJ), no jogo do Brasileirão, contra o CSA (AL), equipe que o senador Fernando Collor elevou ***** Petrobras informa: reajustes dos combustíveis, hoje a cada 15 dias, não mais seguirão prazo definido ***** Cinco ex-deputados federais foram desligados da equipe de articulação política do Planalto com a Câmara. Identificação: Carlos Manato (PSL-ES), Laudívio Carvalho (Podemos-MG), Marcelo Delaroli (PR-RJ), Keiko Ota (PSB-SP) e Victório Gallea (PSL-MT) ***** Troca de desaforos na Comissão Especial da Reforma da Previdência, na Câmara. Deputado Ivan Valente (PSOL-SP) gritou “Moleque safado”, dirigindo-se ao colega Marcel Van Hattem (Novo-RS). Revide do gaúcho: “Mentiroso”. Valente, 72 anos e sete mandatos federais consecutivos; Hattem, 33 anos e estreante na Casa ***** Elogio do presidente Jair Bolsonaro ao seu ministro Sergio Moro: “O que ele fez, enquanto magistrado, não tem preço”. Mais:  “Ele realmente botou para fora, mostrou as vísceras do poder, a promiscuidade do poder no tocante à corrupção. Moro faz parte da História do Brasil” ***** “Quero viver, mesmo inconsciente, porque preciso conhecer o outro lado da escuridão” (Luis Carlos Alcoforado, advogado, escritor, poeta e teatrólogo).

Sem comentários
Escrever um comentário