O Porquê do Blogue

Brasil está no labirinto da indefinição. O momento estimula desafios e amplia debates. Tempo, portanto, da informação que detalha e da análise que orienta, ambas matérias-primas do jornalismo parceiro da verdade. Além da intermediação entre o fato e o leitor, este espaço pretende ser mais uma trincheira dos direitos e das garantias individuais. Também, da livre iniciativa e do enquadramento do Estado, ineficiente e caro, na prestação de serviços essenciais aos cidadãos, independentemente de cor, credo e gênero. Linha editorial independente exclui associação com o poder e a oposição, mesmo se forem reconhecidas a origem legal da conquista e a respeitabilidade do seu protagonismo. É compromisso. Acompanhe e critique.

Entre em contato!
walgom@uol.com.br

Abi-Ackel critica menosprezo a Aécio

 

O presidente do PSDB de Minas Gerais, Paulo Abi-Ackel, diz que o partido não pode menosprezar Aécio Neves, companheiro de grandes lutas “no momento angustiante de sua vida pública”.

Reage às manifestações do governador de São Paulo, João Doria, “contra o mineiro que liderou conterrâneos, foi senador e chegou bem perto de conquistar o Palácio do Planalto na eleição de 2014”.

Abi-Ackel recomenda que o partido tenha “cautela exigida pelo realismo da política” para aguardar o julgamento final da Justiça nos processos que Aécio é acusado de corrupção passiva.

Em relação a Doria, possível candidato à Presidência da República em 2022, o ex-deputado aconselha:

“Vá devagar que o andor é de barro”.

Sem comentários
Escrever um comentário