O Porquê do Blogue

Brasil está no labirinto da indefinição. O momento estimula desafios e amplia debates. Tempo, portanto, da informação que detalha e da análise que orienta, ambas matérias-primas do jornalismo parceiro da verdade. Além da intermediação entre o fato e o leitor, este espaço pretende ser mais uma trincheira dos direitos e das garantias individuais. Também, da livre iniciativa e do enquadramento do Estado, ineficiente e caro, na prestação de serviços essenciais aos cidadãos, independentemente de cor, credo e gênero. Linha editorial independente exclui associação com o poder e a oposição, mesmo se forem reconhecidas a origem legal da conquista e a respeitabilidade do seu protagonismo. É compromisso. Acompanhe e critique.

Entre em contato!
walgom@uol.com.br

Registro de uma vitória histórica

Olívia Santana (PCdoB-BA), professora filha de empregada doméstica e marceneiro, ocupará, a partir de 2018, uma das 63 cadeiras da Assembleia Legislativa.

É a primeira negra eleita ao Parlamento estadual. Lá, encontrará dois colegas que se identificam como negros: Zé Raimundo (PT) e pastor Isidório (Avante).

Terra surpreendente, onde 80 em cada 100 habitantes declaram-se negros ou pardos, conforme censo do IBGE (2010). Três apenas representam o maior eleitorado nordestino.

A deputada eleita recebeu 57 mil votos. Considera o resultado como “um momento muito mágico”. À imprensa, declarou: “Meu povo me fez vitoriosa. Vai ter preta na Assembleia baiana, sim”.

Sem comentários
Escrever um comentário