O Porquê do Blogue

Brasil está no labirinto da indefinição. O momento estimula desafios e amplia debates. Tempo, portanto, da informação que detalha e da análise que orienta, ambas matérias-primas do jornalismo parceiro da verdade. Além da intermediação entre o fato e o leitor, este espaço pretende ser mais uma trincheira dos direitos e das garantias individuais. Também, da livre iniciativa e do enquadramento do Estado, ineficiente e caro, na prestação de serviços essenciais aos cidadãos, independentemente de cor, credo e gênero. Linha editorial independente exclui associação com o poder e a oposição, mesmo se forem reconhecidas a origem legal da conquista e a respeitabilidade do seu protagonismo. É compromisso. Acompanhe e critique.

Entre em contato!
walgom@uol.com.br

Bruno na lista para presidir PSDB

Ex-ministro das Cidades e deputado em fim de mandato, Bruno Araújo tem a preferência de João Doria, governador eleito de São Paulo, para suceder a Geraldo Alckmin no comando nacional do PSDB.

Urnas de outubro decretaram a derrota dos dois. O pernambucano do Recife almejava cadeira no Senado; o paulista de Pirassununga buscava, na segunda tentativa, o Palácio do Planalto.

Mandato de Alckmin no tucanato termina em maio, mas a campanha sucessória começa. Quarta-feira (28), em Brasília, oportuno pretexto: confraternização de antigos e novos parlamentares federais do partido.

Ao chegar ao Palácio dos Bandeirantes em janeiro, Doria consolida ampliação de poder na social-democracia. Adversários internos querem reduzir influência do ambicioso empresário bicampeão em vitórias eleitorais no maior estado do país.

Sem comentários
Escrever um comentário