O Porquê do Blogue

Brasil está no labirinto da indefinição. O momento estimula desafios e amplia debates. Tempo, portanto, da informação que detalha e da análise que orienta, ambas matérias-primas do jornalismo parceiro da verdade. Além da intermediação entre o fato e o leitor, este espaço pretende ser mais uma trincheira dos direitos e das garantias individuais. Também, da livre iniciativa e do enquadramento do Estado, ineficiente e caro, na prestação de serviços essenciais aos cidadãos, independentemente de cor, credo e gênero. Linha editorial independente exclui associação com o poder e a oposição, mesmo se forem reconhecidas a origem legal da conquista e a respeitabilidade do seu protagonismo. É compromisso. Acompanhe e critique.

Entre em contato!
walgom@uol.com.br

PT está na defensiva, diz Dirceu

No estado-maior do PT, José Dirceu diverge de companheiros que incentivam radicalismo e insultam adversários. Ex-presidente do partido, ex-ministro de Estado (Casa Civil) e ex-deputado (estadual e federal), o mineiro-paulista não é um pacifista. Cultiva, porém, a lucidez, o que lhe destaca no agrupamento dos que consideram inimigos a serem destruídos os oponentes partidários.

Segunda-feira (12), numa outra noite de autógrafos do primeiro volume de suas memórias, Dirceu surpreendeu o público majoritariamente petista. Previu que o governo de Jair Bolsonaro “terá base popular e força política”. Reconheceu o avanço do presidente eleito sobre as bases petistas das quais o partido se afastara durante seus quatro mandatos no Planalto.

O memorialista admite:

“Estamos numa defensiva. Fomos derrotados e, agora, precisamos praticar a sabedoria política”.

Sem comentários
Escrever um comentário