O Porquê do Blogue

Brasil está no labirinto da indefinição. O momento estimula desafios e amplia debates. Tempo, portanto, da informação que detalha e da análise que orienta, ambas matérias-primas do jornalismo parceiro da verdade. Além da intermediação entre o fato e o leitor, este espaço pretende ser mais uma trincheira dos direitos e das garantias individuais. Também, da livre iniciativa e do enquadramento do Estado, ineficiente e caro, na prestação de serviços essenciais aos cidadãos, independentemente de cor, credo e gênero. Linha editorial independente exclui associação com o poder e a oposição, mesmo se forem reconhecidas a origem legal da conquista e a respeitabilidade do seu protagonismo. É compromisso. Acompanhe e critique.

Entre em contato!
walgom@uol.com.br

Diplomacia sem o viés ideológico

Definido no início da semana e anunciado quarta-feira (14), o diplomata Ernesto Henrique Fraga Araújo vai suceder ao político Aloysio Nunes Ferreira no Ministério das Relações Exteriores.

Gaúcho de Porto Alegre, viveu a juventude em Brasília e, aos 51 anos, chega ao posto máximo da carreira diplomática, iniciada aos 22. Portanto, quase três décadas no Itamaraty.

Missão recomendada pelo presidente (eleito) Jair Bolsonaro ao seu porta-voz para o mundo: executar política externa e intercâmbio comercial “sem viés ideológico”.

Ernesto Araújo, denominação preferida pelo embaixador, é, além de articulista, escritor. Entre os três livros por ele assinado, o mais conhecido é ‘A porta de mogar’, romance.

Sem comentários
Escrever um comentário